Ao utilizar este website está a concondar com a nossa política de uso de cookies. Para mais informações consulte a nossa política de privacidade e uso de cookies, onde poderá desactivar os mesmos.

OK

Um mundo sem tabaco – foi com este objetivo que várias figuras públicas de áreas como a televisão, música, representação e jornalismo se uniram na campanha da Sociedade Portuguesa de Pneumologia (SPP) lançada no âmbito do Dia Mundial sem Tabaco, assinalado a 31 de maio. Fátima Lopes, Vanessa Oliveira, Jorge Corrula, Fernando Daniel, Ana Galvão, Carla Rocha, Joana Marques, Rita Costa, Helena Coelho, Eduardo Rego, Hugo Madeira e Diana Wong Ramos dão o rosto por esta causa para desmistificar a crença de que fumar aumenta a criatividade ou que estimula a imaginação e a inspiração.

“A arte é vida, liberdade e partilha, não é doença, dependência ou limitação. Neste Dia Mundial sem Tabaco incentivamos os portugueses a praticar a arte de não fumar”, referem Paula Rosa e Cláudia Matos, da Sociedade Portuguesa de Pneumologia. As médicas pneumologistas mostram-se preocupadas pelo atual cenário do consumo de tabaco em Portugal uma vez que “os dados do Inquérito Nacional de Saúde de 2014 mostram que 20% dos portugueses com idade superior a 15 anos fuma, ou seja, 1 em cada 5 pessoas. Os fumadores representam 28,3% dos homens e 16,4% das mulheres no nosso país, sendo este um hábito mais comum no grupo etário entre os 25 e os 34 anos”.  

As novas formas de tabaco e o impacto que têm tido nas populações mais jovens é também uma preocupação da Sociedade Portuguesa de Pneumologia. “Estas novas formas contêm nicotina, que é altamente viciante e que pode prejudicar o desenvolvimento cerebral dos jovens que a consomem.  No que diz respeito aos cigarros eletrónicos, estes despertam grande curiosidade nos jovens pelo design moderno e atraente tecnologia, assim como pela diversidade de aromas. Esta questão tem preocupado diversos países pois, para além do consumo de nicotina, estudos demonstraram que os jovens que experimentam cigarros eletrónicos têm maior propensão a consumir cigarros convencionais. De acordo com dados do estudo ECATD-CAD/ESPAD–Portugal (2015), 12,8% dos adolescentes e jovens consumiram cigarros eletrónicos, mas prevê-se que este número vá aumentar. No que diz respeito ao tabaco sem combustão, ainda não existem suficientes dados em Portugal sobre o consumo nos jovens, no entanto, tal como acontece com os cigarros eletrónicos, não podemos descartar a possibilidade de poderem ser a porta-de-entrada da adição à nicotina”, acrescentam as especialistas.

Assista ao vídeo:

NA

Para além  desta campanha digital, a Sociedade Portuguesa de Pneumologia lançou, na véspera do Dia Mundial sem Tabaco, o livro “Confissões de uma ex-fumadora”. Com prefácio do Dr. Pedro Boléo-Tomé e edição da Cordel D' Prata, o livro foi apresentado na sede da SPP.

Do mundo digital para o papel, Confissões de uma ex-fumadora já está à venda nas principais livrarias do país. Em forma de blogue e com projeção numa página de facebook, o projeto surgiu a 31 de maio de 2017 por iniciativa da Comissão de Trabalho de Tabagismo da SPP. As conquistas, os desafios, as frustrações e as alegrias de uma mulher igual a tantas outras, que luta diariamente para deixar de fumar, foram partilhadas em crónicas, por vezes divertidas, às vezes dramáticas, mas sempre reais.


O livro esteve em destaque na Feira do Livro de Lisboa, no espaço da editora Cordel D'Prata, e, no passado dia 7 de junho, decorreu uma sessão de autógrafos.

Acompanhe as nossas novidades.
Subscreva a Newsletter SPP

subscrever Newsletter

SOCIEDADE PORTUGUESA DE PNEUMOLOGIA | SEDE

 

geral@sppneumologia.pt

 

T. (+351) 217 962 074

F. (+351) 217 962 075

 

Rua Ivone Silva, 6 (Edifício ARCIS), 6º Esquerdo

1069-130 Lisboa

 

Horário de Funcionamento:
- Segunda a Sexta-feira
- 09h00 às 13h00 e das 14h00 às 17h30

VER NO MAPA

DEPARTAMENTO DE COMUNICAÇÃO

 

comunicacao@sppneumologia.pt
 

T. (+351) 926 432 143 
Cátia Jorge
 

T. (+351) 917 434 115
Andreia Pinto

com o apoio de:

Grupo Medinfar
PULMONOLOGY