Este website utiliza cookies. Utilizamos cookies para personalizar conteúdo e anúncios, fornecer funcionalidades de redes sociais e analisar o nosso tráfego. Também partilhamos. Para mais informações consulte a nossa política de privacidade.

OK

A Sociedade Portuguesa de Pneumologia, a Sociedade Portuguesa de Pneumologia Pediátrica e Sono, a Sociedade Portuguesa de Neurologia e a Sociedade Portuguesa de Neuropediatria enviaram uma carta conjunta à Task Force para a vacinação contra a covid-19 solicitando a inclusão dos indivíduos com doenças neuromusculares na primeira fase de vacinação.

Este pedido conjunto das quatro sociedades médicas surge na sequência da identificação destes doentes como indivíduos com um risco de infeção grave e de mau prognóstico a SARS-CoV-2. Fatores como a fraqueza dos músculos respiratórios, a dependência de suporte ventilatório, o envolvimento cardíaco e a associação frequente a algumas co-morbilidades como a obesidade, hipertensão arterial e diabetes contribuem para que o risco nestes doentes seja muito elevado.

As doenças neuromusculares são um grupo heterogéneo de patologias caracterizadas pela fraqueza muscular e com uma prevalência entre 1 a 10/100000 e na sua maioria não têm cura.

Leia a carta AQUI.

Acompanhe as nossas novidades.
Subscreva a Newsletter SPP

subscrever Newsletter

Membro Parceiro de:

ERS
PULMONOLOGY
REAG
INALADORES